Ginásio José Liberatti – Photos by Fotojump

Cuidar de um time de ponta não é tarefa fácil, foi um prazer e um desafio, durante 5 anos eu produzi tudo o que se refere ao time feminino do Finasa/Osasco, um time estelar com várias atletas da Seleção Brasileira.

Cuidávamos de diversos itens extra quadra, os trabalhos se iniciavam muito antes do final da temporada anterior.
Começava com a criação e desenvolvimento dos uniformes, pesquisávamos novas tendências tanto no estilo quanto nos materiais, buscávamos sempre o que tinha de mais avançado em matéria de tecidos.

Eram retiradas as medidas das jogadoras e comissão técnica, várias provas de roupa até que os uniformes da temporada seguinte ficassem prontos, era um processo preciso e sigiloso pois de uma temporada para a outra sempre temos troca de jogadoras, de numeração de camisas alem dos profissionais da CT, este timming tinha que ser perfeito.

Layout by Alex Cavalcante



No início de temporada eram feitas fotos de todas as atletas e da comissão técnica para o press release, e nesta oportunidade elaborávamos as coletivas de imprensa para apresentação de todas as jogadoras principalmente as novatas.

As fotos serviriam também para os convites e cartazes com informações diversas sobre as atletas, futuras competições, as datas dos jogos etc…

Para divulgar os torneios realizávamos diversas blitz nas agências do Banco, na Cidade de Deus e nas imediações do nosso Ginásio o José Liberatti além de toda a região de Osasco com o auxílio de carros de som.

A preparação do Ginásio foi um momento especial, naquela temporada o nosso gerente de marketing Valmir Macedo, solicitou a pintura e reforma das dependências, até o ginásio que originalmente era azul passaria a ser vermelho.

Sempre seguindo o “Color Code” do Banco, reformas das cadeiras e adesivagem com numeração e logo do time, troca das placas da publicidade aérea e dos placares eletrônicos.

Os vestiários receberam uma nova pintura e o piso foi emborrachado, os armários ganhariam as fotos das suas respectivas jogadoras.

Até o jardim interno recebeu um carinho todo especial, e todos estes trabalhos executados pela excelente produtora cenográfica Regina Furquim.

Para o teto do ginásio resolvemos inovar e colocar um tecido, escolhemos o elastano branco, pensamos nesta solução pois além de ser mais maleável, ele estica facilmente, dá excelente acabamento e serviria para  “clarear” o ginásio, pois a estrutura original do teto era escura e esta solução provou cumprir a função perfeitamente. 
  

Ginásio José Liberatti – Photos by Fotojump



Ginásio pronto para a estreia, eu era o produtor responsável ainda pela sonorização do Ginásio, do locutor e dos animadores de torcida.

Estes são itens importantíssimos, um locutor técnico ou animador mal escolhido pode desanimar a torcida ou animar demais, o briefing certo é imprescindível, além disso lançávamos mão de alguns artifícios como faixas para a torcida, bandeirões, batekos, distribuição de prêmios e animadores infiltrados no meio da torcida.

Ginásio José Liberatti – Photos by Fotojump



Sempre tive como meta preparar jovens para serem produtores, em dia de jogos chegávamos muito cedo ao ginásio para organizar tudo, eu precisava deles com bastante pique para aguentar a correria e a pressão de lidar com o público gostar de esportes era um “plus”, assim fui formando novos assistentes de produção, especificamente para os jogos de vôlei.

Éramos os primeiros a chegar e os últimos a sair do ginásio, e para manter a torcida na “temperatura” certa, o trabalho sempre animado já começava na organização das filas na entrada. Eram distribuídas camisas e batekos os produtores praticamente faziam parte da torcida, reconhecidos pelos torcedores, desempenhavam várias funções: como indicar os assentos corretos, a direção dos banheiros, a troca de brindes ou simplesmente para mostrar a saída. 

Conquistas Finasa/ Osasco – Photo by Ronaldo Maciotti


Os assistente de produção nas caravanas em jogos fora, iam junto com a torcida, cuidando de toda a organização interna e horários dos ônibus.

Uma organização impecável ajuda a evitar que o público se exalte, pois quando o público esta tranquilo, tudo corre bem!

Afinal, cuidar de 5 mil pessoas e duas torcidas em um ginásio lotado com a rivalidade em alta é uma tarefa difícil, seja em uma eventual derrota ou em uma saborosa vitória… cuidar bem de multidão é um dom.


Existem outros milhares de detalhes em um jogo de vôlei da Superliga, mas isso vou contar em um outro artigo.


           Gostou deste artigo? Curta, compartilhe, siga ou deixe comentários