VisualHunt


Caros amigos de #eventos uma luz no fim do túnel. Já vislumbramos um possível retorno gradual de eventos com concentração de pessoas.

A partir de 11 de julho no Japão, os jogos da J-league, liberarão a entrada de torcedores com duas limitações: 50% da capacidade do estádio e no máximo 5 mil pessoas.

O Japão foi exposto cedo à pandemia de coronavírus com um primeiro caso em janeiro e a chegada um mês depois do cruzeiro “Diamond Princess”, portanto bem antes que nós, além de serem mais disciplinados e ter o hábito do uso de máscaras que podem ser fatores determinantes para esta data.

Imagino que o nosso retorno deva demorar mais dois meses além do Japão, mas pelo menos é uma data, ou seja 11 de Setembro.

Mesmo assim me preocupa, não temos vacinas, remédio nem leitos suficientes! As medidas sanitárias que aqui deveriam ser mais rígidas e seguidas à risca, estão longe de serem implementadas.

A economia do país é um fator que pode atropelar a abertura, é aí revejo um dos maiores problemas da nossa área.

Amadores!

Algumas empresas têm por praxe contratar “produtores” sem bagagem para os seus Jobs, aumentam a rentabilidade e os riscos, o saldo sempre foi um show de horrores com tendas, camarotes e palcos caindo.

Como será o padrão de segurança sanitária?

#production